COMISSÃO ORGANIZADORA

 

Angela Cristina Salgueiro Marques

UFMG

Doutora em Comunicação Social pela UFMG (2007) e mestre em Comunicação Social pela mesma instituição. Realizou pós-doutorado em Comunicação e em Ciências Sociais na cidade de Grenoble (França). Professora Adjunta do Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal de Minas Gerais. Seus atuais interesses de pesquisa estão voltados para a interseção entre a Comunicação, a Política e a Estética; entre a Comunicação e a Cultura, e entre a Comunicação e processos políticos, com destaque para práticas sociais e processos deliberativos.
Autora de artigos publicados, tais como: “Potências políticas nas imagens da pixação na rua e na galeria”. Verso e Reverso (Unisinos. Online), v. 29, p. 132-143, 2015.; e “Modalidades e derivações da comunicação no mundo da vida: sentidos, experiência e interação”. Galáxia (São Paulo. Online), v. 31, p. 105-116, 2016.

Angela Cristina
Angela Cristina

 

Camila Maciel C. Alves Mantovani

UFMG
Doutora em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG/2011) com a pesquisa “Narrativas da mobilidade: comunicação, cultura e produção em espaços informacionais”. Professora do Departamento de Comunicação Social da UFMG. Seus interesses de estudos abrangem: Midiatização; Comunicação organizacional; Estudos de consumo (pesquisa aplicada) em ambientes digitais; Estudos de Usabilidade; Arquitetura de Informação; Cultura Informacional; Pesquisa social em contextos digitais.
Autora de diversos trabalhos, dentre eles: Informação, interação e mobilidade; Información, interacción y movilidad. Informação & Informação (UEL. Online), v. 17, p. 55-76, 2012.; e Informação e Mobilidade. BOCC. Biblioteca Online de Ciências da Comunicação, v. 28, p. 01-13, 2006.

Fábia Lima

UFMG
Doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo (2014). Possui graduação em Comunicação Social com habilitação em Relações Públicas pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1999), especialização em Gestão Estratégica de Marketing (PUC Minas, 2003), mestrado em Comunicação Social: Interações Midiáticas (PUC Minas, 2009). Professora do Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal de Minas Gerais. Tem experiência na área de Comunicação, com ênfase em Relações Públicas, atuando principalmente nos seguintes temas: comunicação, planejamento, comunicação organizacional, relações públicas e discurso organizacional.
Autora de diversos trabalhos, dentre eles o artigo: Desafios comunicacionais na gestão estratégica pelo Balanced Scorecard e o Choque de Gestão no Estado de Minas Gerais. Revista Organicom, v. 13, p. 13, 2015.

Ivone de Lourdes Oliveira

PUC-Minas
Doutora em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2002). Pós-doutora pela Université de Toulouse – Paul Sabatier (2013). Professora adjunta da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Leciona no mestrado de comunicação social “Interações Midiáticas”. Líder do grupo de pesquisa “Comunicação no contexto organizacional: aspectos teórico-conceituais.” Pesquisadora da área de Comunicação, com ênfase em Comunicação em contextos organizacionais.
Co-autora do livro “O que é comunicação estratégica nas organizações?” (2007); e co-organizadora do livro “Interfaces e tendências da comunicação no contexto das organizações” (2008)

Márcio Simeone Henriques

UFMG
Doutor em Comunicação Social pela Universidade Federal de Minas Gerais, com Pós-Doutorado pela Universidade Nova de Lisboa, Portugal (Capes). Márcio Simeone é mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, Bacharel em Comunicação Social (Relações Públicas) pela Universidade Federal de Minas Gerais. Além de professor adjunto do Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal de Minas Gerais e integrante do corpo docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social, na linha Processos Comunicativos e Práticas Sociais.
Atuante na área de Relações Públicas e Planejamento da Comunicação, com os seguintes temas de pesquisa: processos comunicativos de formação e movimentação de públicos, comunicação pública, estratégias de comunicação em processos de mobilização social, opinião pública e construção de influências nos processos políticos, os públicos na comunicação organizacional, relações entre organizações e comunidades. É também, líder do Grupo de Pesquisa em Comunicação, Mobilização Social e Opinião Pública – MOBILIZA. Pesquisador associado e Vice-Coordenador do Grupo de Pesquisa Comunicação no contexto organizacional: aspectos teórico-conceituais (PUC−MG)

Valéria de Fátima Raimundo

UFMG
Doutora em Sociologia e Política pela Universidade Federal de Minas Gerais (2009). Atualmente é professora adjunta da Universidade Federal de Minas Gerais. Desenvolve pesquisas na área de Comunicação Organizacional sobre a natureza dos vínculos no âmbito da dominação e seus tensionamentos no interior de dispositivos hierarquizados,com ênfase no imbricamento entre a Comunicação Organizacional e Processo de Trabalho e nos seguintes temas: comunicação interna; comunicação,organizações burocráticas e relações de poder; novas mídias e interação comunicacional em organizações; comunicação e discurso organizacional;comunicação pública da ciência e divulgação científica.
Autora de artigos completos publicados em periódicos, tais como: “Múltiplos Cenários da Comunicação Institucional”. Temas Ensaios de Comunicação, Uni-BH, v. 1, n.VI, p. 47-53, 2002.; e “Tecnologias de comunicação em centrais de relacionamento: autonomia sob a égide do controle”. Organicom (USP), v. 12, p. 86-97, 2010.

Isaura Mourão Generoso

UFRGS
Doutoranda em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS, Mestre em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC Minas (2014); especialista em Comunicação e Gestão Empresarial pela PUC Minas (1997) e bacharel em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG (1988)

Lara Lucienne Dornas Amaral

PUC Minas
Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social da PUC-Minas, Interações Midiáticas, Linha de Pesquisa Processos Midiatizados de Interação Social.Graduada em Comunicação Social, habilitação em Relações Públicas pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1989). Experiência prática em empresas multinacionais em comunicação integrada aplicada às várias disciplinas da Comunicação Organizacional: Comunicação Interna, Externa (Imprensa Institucional, Relações com Comunidades) e Responsabilidade Social. Planejamento, implantação, gestão e monitoramento de projetos, desenvolvimento de procedimentos e metodologias, por meio da construção de diálogo qualificado junto aos públicos estratégicos, visando ao fortalecimento da reputação corporativa das empresas.

Marlene Pereira Machado

PUC-Minas
Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social da PUC Minas, graduada em Jornalismo pela Fafi-BH, com pós-graduação em Gestão Estratégica da Comunicação, pela PUC Minas, e MBA em Gestão Empreendedora na Fundação Dom Cabral. Formação profissional desenvolvida no jornalismo impresso e na área de Comunicação Organizacional, com atuação em Comunicação Interna, Externa, Institucional e Imprensa. Integrante dos grupos de pesquisa: MOBILIZA – Grupo de Pesquisa em Comunicação, Mobilização Social e Opinião Pública/UFMG/ Comunicação Social ? CNPq – Ingresso 2014; e Comunicação no Contexto Organizacional: aspectos teórico-conceituais/PUC Minas/CNPq – Ingresso 2014.

Vanessa Veiga de Oliveira

UFMG
Professora Adjunta do departamento de Comunicação Social da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Doutora e Mestre em Comunicação Social pela UFMG, mesma instituição onde se formou em Jornalismo. Realizou estágio doutoral com a prestigiosa bolsa Fulbright na University of North Carolina at Chapel Hill (UNC) sob orientação de Jurg Steiner (2015-2016). Foi pesquisadora da Comissão Nacional da Verdade (2014-2015) e é membro do grupo de Pesquisa em Mídia e Esfera Pública (EME) da UFMG desde 2007. Sua dissertação intitulada “Direitos humanos e suas justificativas na mídia: a controvérsia envolvendo o caso do PNDH-3” recebeu Menção Honrosa no prêmio concedido pela Associação Brasileira de Pesquisadores em Comunicação e Política (COMPOLITICA) em 2013.

Adelina Martins de La Fuente

PUC MINAS
Mestre em Comunicação Social – Interações Midiáticas pela PUC Minas (2011), MBA em Administração e Marketing pela UNA (2002), Bacharel em Comunicação Social – com habilitação em Relações Públicas pela PUC Minas (1998). Professora (graduação e pós-graduação) e Pesquisadora da PUC Minas. Assessora na Secretaria de Comunicação da PUC Minas. Tem experiência na área de Comunicação Organizacional, atuando principalmente nos seguintes temas: organização de eventos e cerimonial, assessoria de comunicação integrada, planejamento estratégico de comunicação, atendimento à imprensa, comunicação interna, produção de discursos e textos institucionais, reputação, identidade, imagem, cultura organizacional, comunicação digital, entre outros.

CONVIDADOS

Jean-Luc Moriceau

Télécom Ecole de Management
Doutor em ciências de gestão da Universidade de Paris IX Dauphine e habilitado à dirigir as pesquisas desta mesma universidade, ele é responsável pela formação de doutores da Télécom Ecole de Management. Seus trabalhos exploram as dimensões estéticas, críticas e políticas das organizações e questionam os métodos qualitativos de pesquisa sob um ponto de vista humanista.

Autor de diversas publicações, entre elas um artigo intitulado: “Introducing Performativity to Crisis Management Theory: An Illustration from the 2003 French Heat Wave Crisis Response”, escrito em parceria com Anouck Adrot.

Jean-Luc Moriceau
Jean-Luc Moriceau

João José Azevedo Curvello

UnB
Doutor em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo (2001). Professor Adjunto na Universidade de Brasília (UnB), onde atua na linha de pesquisa Teorias e Tecnologias da Comunicação, do PPGCOM em Comunicação, e como professor e coordenador de graduação no Curso de Comunicação Organizacional. Atua na área de Comunicação, com ênfase em Comunicação Organizacional, Estratégias de Comunicação, Processos de Comunicação, Comunicação Interna, Comunicação Pública, Sistemas de Comunicação, Redes Sociais e Epistemologia da Comunicação. Autor de Comunicação Interna e Cultura Organizacional – Edição Revista e Ampliada; e Comunicação Interna e Cultura Organizacional.
Autor de variados livros, tais como: “Comunicação Interna e Cultura Organizacional”. 1. ed. São Paulo: Scortecci Editora, 2002. v. 1. 116p.; e “Comunicação Interna e Cultura Organizacional – Edição Revista e Ampliada”. 2. ed. Brasília: Casa das Musas, 2012. v. 1. 162p.

Claudia Rebechi

UTFPR
Doutora e mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP). Realizou estágio de pesquisa doutoral (doutorado sanduíche) no Centre des Recherhes Sociologiques et Politiques de Paris (CRESPPA-CNRS), na França, de julho de 2012 a agosto de 2013. Graduada em Comunicação Social pela UNESP e especialista pelo Curso de Pós-Graduação Lato Sensu de Gestão Estratégica em Comunicação Organizacional e Relações Públicas (Gestcorp), do Departamento de Relações Públicas, Propaganda e Turismo da Escola de Comunicações e Artes da USP. Professora do Departamento Acadêmico de Linguagem e Comunicação (DALIC) e do Programa de Pós-Graduação em Tecnologia e Sociedade (PPGTE) na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Pesquisadora do Centro de Pesquisa em Comunicação e Trabalho da ECA-USP/CNPq, do Grupo de Pesquisa Discursos sobre Trabalho, Tecnologia e Identidades da UTFPR e líder do Grupo de Pesquisa Estudos em Comunicação Organizacional, Discursos e Processos Identitários da UTFPR.

Cleusa Scroferneker

PUCRS
Graduada em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul e em Geografia-Licenciatura e Bacharelato pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Mestrado em Planejamento Urbano e Regional pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Doutorado em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo e Pós-Doutorado pela Universidade de São Paulo. Professora Titular da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Membro do Conselho Editorial da Revista Internacional de Relaciones Públicas (Espanha), Organicom e Revista Brasileira de Ciências da Comunicação-Intercom. Teses premiadas no Prêmio Abrapcop de Teses e Dissertações da Abrapcorp -2016/2017.

Eugenia Barichello

UFSM
Professora Titular da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM – Brasil). Docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e dos cursos de graduação em Relações Públicas, Publicidade e Propaganda, Produção Editorial e Jornalismo. Realizou Estágio Pós-doutoral Sênior na University College of London (UCL-UK), com bolsa da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES (BEX 2384/14-0). Doutorado em Comunicação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). É líder do Grupo de Pesquisa em Comunicação Institucional e Organizacional (CNPq). Foi coordenadora (2013-2014) e vice-coordenadora (2011-2012) do GT Comunicação Organizacional da Compós. Coordenou o Projeto CAPES – MINCyt – convênio firmado entre UFSM, UFRGS, Universidade de Buenos Aires e Universidade de Quilmes, com apoio financeiro da CAPES entre os anos 2013 e 2014. Publicou 65 artigos em periódicos especializados e 150 trabalhos em anais de eventos. Autora ou organizadora de 15 livros e 37 capítulos. Orientou 26 trabalhos de Iniciação CientÍfica e 131 teses de doutorado, dissertações de mestrado, monografias e supervisão de Pós-doutorado. Participou de 215 bancas de teses, dissertações ou monografias. Atualmente orienta 5 teses de doutorado. Coordena 2 projetos de pesquisa.

Luiz Alberto de Farias

anhembi morumbi
Livre-Docente pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (2018). Pós-Doutorado em Comunicação pela Universidade de Málaga/Espanha (2016). Doutor em Comunicação e Cultura pelo Programa de Pós-Graduação em Integração da América Latina (Prolam) da Universidade de São Paulo (2006). Mestre em Comunicação e Mercado (2000), Especialista em Teoria da Comunicação (1995) e Graduado em Relações Públicas (1990) pela Faculdade Casper Líbero. Graduado em Jornalismo pela Universidade Cruzeiro do Sul (2001). Professor visitante na Universidade de Málaga e professor conveniado como orientador de Doutorado na Universidade Nova de Lisboa (Portugal).Atuou como diretor acadêmico de dezembo de 2013 a junho de 2016, da Escola de Comunicação e a Escola de Educação, e de julho de 2016 a dezembro de 2017, da Escola de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Anhembi Morumbi (Laureate International Universities), onde também atuou como professor colaborador no programa de pós-graduação Stricto Sensu em Comunicação. Foi agraciado com a primeira edição do Prêmio Aberje – Educador do Ano “James Hefernan”, no ano de 2014. Foi presidente da Associação Brasileira de Pesquisadores em Comunicação Organizacional e Relações Públicas, e é editor da Organicom Revista Brasileira de Comunicação Organizacional e Relações Públicas (Qualis B1); criou e editou o Jornal Intercom (2008 a 2011); atuou como diretor administrativo da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom), como diretor administrativo da Associação Brasileira de Pesquisadores de Relações Públicas e Comunicação Organizacional (Abrapcorp); foi vice-presidente de planejamento e, por duas gestões, presidente da Associação Brasileira de Relações Públicas (ABRP-SP); também atuou como conselheiro-suplente do Conselho Regional dos Profissionais de Relações Públicas 2a. Região (SP/PR).

Luiz Peres Neto

ESPM
Doutor e mestre em Ciências da Comunicação pela Universidad Autónoma de Barcelona (Espanha), onde trabalhou como docente e pesquisador dentro do Programa de Formación de Personal Investigador do Ministerio de Educación y Ciencia (Governo espanhol). Desde 2012 é professor titular do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Práticas de Consumo (PPGCOM) da ESPM-SP (Brasil), onde é líder do GPECC – Grupo de Pesquisa em Ética, Comunicação e Consumo. É professor colaborador na Universitat Oberta de Catalunya, na Espanha, desde 2011. Realizou, em 2015, estágio pós-doutoral na Annenberg School for Communication, da University of Pennsylvania (EUA), como CAPES/ Fulbright Post-doctoral Researcher Fellow.

Maria Aparecida Ferrari

USP
Livre-docente pela Universidade de São Paulo (2017). Doutorado (2000) e Mestrado (1993) em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo. Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo (1976), graduação em Relações Públicas pela Faculdade Anhembi Morumbi (1981). É professora dos Programas de Pós-Graduação e Graduação da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo. Foi Diretora da Faculdade de Jornalismo e Relações Públicas da Universidade Metodista de São Paulo de 2001 a 2008. Entre 2000 até 2009 foi Coordenadora do Curso de Relações Públicas da Universidade Metodista de São Paulo. Foi professora do curso de Relações Públicas de 1987 a 2009. Membro dos Conselhos Editoriais das seguintes publicações: Strategic Communication Journal, Corporate Communications – An International Jounal, Revista Dixit, Revista Organicom. Foi Diretora responsável da Revista Estudos de Jornalismo e Relações Públicas, de 2003 a 2008. Fundadora da ABRAPCORP, tendo sido membro do Conselho Fiscal de 2006 a 2010, Diretora de Relações Públicas de 2010 a 2012 e Diretora Editorial de 2012 a 2014.

Rennan Mafra

UFV
Professor do Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal de Viçosa (UFV), doutor (2011) e mestre (2005) em Comunicação Social pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Desenvolve atividades científico-acadêmicas em torno de quatro principais áreas: teorias da comunicação, comunicação e política, comunicação e experiência, e comunicação e organizações. Entre os anos de 2012 e 2017, atuou como professor orientador no Programa de Pós-Graduação em Extensão Rural da UFV. Desde 2018, atua como professor orientador junto ao Programa de Pós-Graduação em Educação, da mesma universidade, na linha de pesquisa “Formação humana, políticas e práxis sociais”. É líder do DIZ – Grupo de Pesquisa em Discursos e Estéticas da Diferença. Desde agosto de 2015, atua também como Diretor de Comunicação Institucional da UFV.

Ricardo Gonçalves de Sales

USP
Doutorando e mestre pelo programa de pós-graduação em Ciências da Comunicação da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP). Possui graduação em Comunicação Social com habilitação em Relações Públicas pela mesma instituição (2008) e especialização em Comunicação Institucional (2011). Atua desde 2005 com os temas comunicação e diversidade. Tem interesse nos seguintes temas de pesquisa: diversidade nas organizações, comunicação e diversidade, interculturalidade, cultura organizacional e pessoas LGBT no mundo do trabalho.

Ricardo Ferreira Freitas

UERJ
Graduado em Comunicação Social (habilitação em relações públicas) pela UERJ (1984), mestrado em Comunicação e Cultura pela ECO/UFRJ (1990) e doutorado em Sociologia – Université Paris V (René Descartes) (1993). Desenvolveu estágio pós-doutoral em Comunicação no CEAQ/Sorbonne com bolsa da CAPES (2006/2007) e Estágio Sênior em Comunicação e Sociedade com bolsa da CAPES na Universidade Paul Valéry-Montpellier 3 (2015/2016). É professor associado da Faculdade de Comunicação Social da UERJ, onde leciona, desde 1986, na graduação em Relações Públicas. Líder do grupo Comunicação urbana, consumo e eventos

Margarida M. Khroling Kunsch

ECA/USP
Doutora e mestre em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP). Professora dos cursos de graduação e pós-graduação e coordenadora do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu de Gestão Estratégica em Comunicação Organizacional e Relações Públicas da ECA-USP. Líder do Grupo de Pesquisa Centro de Estudos de Comunicação Organizacional e Relações Públicas (Cecorp) – ECA-USP/CNPq. É atualmente presidente da Socicom – Federação Brasileira das Associações Acadêmicas e Científicas de Comunicação.
Autora dos livros: “Planejamento de relações públicas na comunicação integrada” e “Relações públicas e modernidade: novos paradigmas na comunicação organizacional” – ambos com diversas edições e reimpressões – e “Universidade e comunicação na edificação da sociedade”.

Rudimar Baldissera

UFRGS
Doutor em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (2004). Atualmente é professor associado do Departamento de Comunicação – Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação – e professor e pesquisador do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Tem experiência na área de Comunicação, atuando principalmente nos seguintes temas: comunicação, relações públicas, comunicação pública, estratégia, comunicação organizacional, identidade, imagem-conceito, cultura, relações de poder e comunicação turística.
Autor do livro “Comunicação Organizacional: O Treinamento de Recursos Humanos como Rito de Passagem”. 01. ed. São Leopoldo: Editora da Unisinos, 2000. v. 01. 114p.

Daniel Reis Silva

UFSM
Professor adjunto do Departamento de Ciências da Comunicação da Universidade Federal de Santa Maria. Doutor em Comunicação Social pela Universidade Federal de Minas Gerais (2017). Mestre em Comunicação Social pela Universidade Federal de Minas Gerais (2013). Bacharel em Comunicação Social, habilitação Relações Públicas, pela Universidade Federal de Minas Gerais (2011). Pesquisador associado do Grupo de Pesquisas em Comunicação, Mobilização Social e Opinião Pública (Mobiliza – UFMG). Pesquisador associado do Grupo de Pesquisas em Comunicação no Contexto Organizacional: Aspectos Teóricos-Conceituais (Dialorg – PUC/MG). Autor do livro “Astroturfing: lógicas e dinâmicas de públicos simulados” (Selo PPGCOM/UFMG) e do “Jogo das Relações Públicas”.

Claudia Peixoto de Moura

PUC RS
Graduada em Comunicação Social, tendo cursado três habilitações – Publicidade e Propaganda (1979), Jornalismo (1980), e Relações Públicas (1984), pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS. Especialização em Comunicação Social – nas áreas de Administração em Publicidade e Propaganda (1981), Estilo Jornalístico (1982), e Administração em Relações Públicas (1986), pela PUCRS. Mestrado em Sociologia, na área da Sociedade Industrial (1990), pela PUCRS. Tenho Doutorado em Ciências da Comunicação, na área de Relações Públicas, Propaganda e Turismo (2000), pela Escola de Comunicações e Artes – ECA, da Universidade de São Paulo – USP. Realizei dois Pós-Doutoramentos – o primeiro no Departamento de Filosofia, Artes e Comunicação – FAC, da Faculdade de Letras, da Universidade de Coimbra – UC (2009), com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul – FAPERGS; o segundo no Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação, da ECA/USP (2015). Sou Professora Titular (Dedicação Exclusiva), em nível de graduação e de pós-graduação, na Faculdade de Comunicação Social – FAMECOS/PUCRS.

 

Claudia Mayorga

UFMG
Doutora em Psicologia Social pela Universidade Complutense de Madri – Espanha (2007) com foco em estudo sobre gênero, política e feminismo. É professora do Departamento de Psicologia da Universidade Federal de Minas Gerais e do Programa de Pós-graduação em Psicologia. Coordena o Núcleo de Ensino, Pesquisa e Extensão Conexões de Saberes na UFMG. Atuou como pesquisadora visitante na Universidade Complutense de Madrid (2011 e 2012). Atualmente é co-editora da Revista Psicoperspectivas – Chile (Qualis B1). Foi editora chefe da Revista Psicologia & Sociedade (Qualis A2), periódico científico da Associação Brasileira de Psicologia Social (ABRAPSO) (2012-2015) e Editora da Revista Interfaces – Revista de Extensão da UFMG (Qualis B3 -Interdisciplinar) de 2015 a 2018. Foi membro do Comitê Editorial de Scielo em Perspectiva – Humanas (2014 e 2015). Foi membro da Diretoria Nacional da Abrapso (2004/2005) e vice-presidente da Abrapso Regional Minas (2006/2007). Como editora da Revista Psicologia & Sociedade, recebeu grant da American Psychological Association (2012/2013). Áreas de pesquisa e extensão: Psicologia Social e Feminismo com os seguintes temas: gênero, relações raciais, sexualidade e política; análise interseccional da desigualdade social brasileira; psicologia comunitária, favela e intervenção psicossocial; juventude e participação; democratização da universidade e ações afirmativas; epistemologia feminista e metodologias participativas. Foi Pró-reitora adjunta de extensão da UFMG (2014-2018). Atualmente é Pró-reitora de Extensão da UFMG (2018-2022). 

Claudia Mayorga
Claudia Mayorga

CONVIDADOS FÓRUM

Aléssia Franco Gonçalves

PUC MG
Doutoranda em Administração no Programa de Pós Graduação em Administração da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Possui Mestrado em Administração pelo Programa de Pós-Graduação em Administração da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, MBA pela Fundação Dom Cabral, Especialização em Gestão Estratégica pela UFMG, ,Especialização em Administração Mercadológica pela UNA/MG. Atualmente é membro do Colegiado e Coordenadora do Curso de Relações Públicas da Faculdade de Comunicação e Artes da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, onde é membro do seu Conselho Diretor e da Câmara Departamental.

Luiz Coelho Lana

UNA
Mestre em Literaturas de Língua Portuguesa pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (2009), pós-graduado em Interseções no Ensino: Linguagem, Literatura e História pela Universidade Vale do Rio Doce (2004), Atualização em Processos de Ensino Aprendizagem e Avaliação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (2003) e graduado em Comunicação Social pela Universidade Vale do Rio Doce (2002). Tem experiência na área de Publicidade, Jornalismo, Relações Públicas e Literatura